Procedimento inédito na tireóide é realizado no Brasil

 Em Radiologia

Radiologistas intervencionistas realizaram, pela primeira vez no Brasil, uma ablação com radiofrequência para tratar um nódulo benigno na tireóide.

O procedimento é considerado minimamente invasivo e descarta a necessidade de cirurgia – é aplicada anestesia local e a recuperação é de apenas duas horas. Uma agulha conectada a um gerador emite um calor de 80 a 100ºC que causa a morte das células que compõem o nódulo, reduzindo-o a até 90% do seu tamanho e impedindo seu crescimento.

De acordo com Leandro Scaffaro, radiologista que realizou o procedimento no Hospital Moinhos de Vento, em Porto Alegre, a técnica é recomendada apenas para nódulos benignos, especialmente aqueles grandes que podem causar desconforto no pescoço e até dificuldade para respirar. A expectativa é que o procedimento esteja disponível nos planos de saúde até o final deste ano.

Ler artigo completo

Fonte:sisaude.com.br

Crédito de imagem:flickr.com

VAMOS CONVERSAR?

Artigos Recentes