DR. LUIZ FELIPE BANDEIRA DE MELLO

Aumento de mais de 100% no volume de exames.

“(…) a gente não só sanou o problema em relação a obter os resultados disponíveis num tempo curto nesses períodos críticos – noturno e finais de semana -, mas também conseguimos de imediato entre 3 e 6 meses um aumento já de cerca de 20% no volume de exames.”

“O serviço de imagem que eu coordeno se localiza no Rio de Janeiro, é um serviço hospitalar, é um hospital de menos de 100 leitos, é um hospital pequeno, que tem um serviço praticamente focado em medicina interna.

Eu entrei no hospital há mais ou menos 3 ou 4 anos atrás, a gente fazia muitos poucos exames, fazia por volta de 250 a 300 exames em média mensalmente e, na época, o antigo coordenador de serviço que me passou o bastão tinha bastante dificuldade em relação à retenção de radiologistas para trabalhar nos finais de semana e períodos noturnos. Por conta do baixo volume, a gente não conseguia remunerar de maneira adequada os radiologistas que trabalhavam conosco nesses períodos. E isso era uma dificuldade muito grande.

VAMOS CONVERSAR?

Então surgiu a possibilidade da gente trabalhar com a Telelaudo e a gente ficou muito satisfeito. A gente conseguiu fazer um acordo com a Telelaudo, que foi bastante satisfatório, no sentido de que, de imediato, logo depois da entrada da Telelaudo, a gente não só sanou o problema em relação a obter os resultados disponíveis num tempo curto nesses períodos críticos – noturno e finais de semana -, mas também conseguimos de imediato entre 3 e 6 meses um aumento já de cerca de 20% no volume de exames. Isso se manteve e criou também uma base para a gente poder ter um aumento sustentado nos anos seguintes: de 250 exames em média, no ano subsequente, em 2012, a gente pulou pra 350; de 350, chegamos agora em 2013 mais ou menos com 550 exames em média e já atingimos em 2014 picos acima de 600 exames. Então, eu acho que parceria foi muito produtiva, foi muito boa, em todos os sentidos para o hospital.”

 

Dr. Luiz Felipe Bandeira de Mello, Hospital Israelita Albert Sabin (HIAS),
em 2 de maio de 2014.

SEUS LAUDOS ATRASAM?

Coloque em dia os laudos
atrasados.

SUA EQUIPE ESTÁ INCOMPLETA?

Complete a sua equipe de radiologistas
em qualquer modalidade.

QUER INVESTIR PARA CRESCER?

Amplie o atendimento e conquiste novos convênios.