Células-tronco podem ajudar recuperação de área cerebral danificada por AVC

 Em Pesquisa científica

Pesquisadores da Universidade Federal de São Paulo conseguiram diminuir lesões provocadas por isquemia cerebral no cérebro de camundongos usando células-tronco.

Não é a primeira vez que cientistas tentam usar células-tronco para recuperar uma área danificada do cérebro de camundongos. Nos ensaios anteriores, porém, quando implantadas diretamente na lesão, quase nenhuma célula sobreviveu.

O que fez a diferença, desta vez, foi o uso de um material que, além de ser biocompatível (não tóxico), aumenta a sobrevivência das células-tronco e faz com que elas permaneçam na área da lesão, diminuindo a inflamação.

Os resultados do estudo foram publicados na revista cientifica “Nanomedicine: Nanotechnology, Biology, and Medicine”.

Leia o artigo completo

Fonte: EXAME

Fonte de imagem:Deposit Photos

VAMOS CONVERSAR?