Inteligência artificial pode prever mortes prematuras, diz estudo

 Em Curiosidades

Um estudo realizado por especialistas da Universidade de Nottingham, na Inglaterra, mostrou que computadores – por meio de inteligência artificial – são capazes de prever mortes prematuras de humanos.

O time de pesquisadores desenvolveu um sistema que aprende automaticamente (por meio de machine learning) a desenvolver algoritmos para prever o risco de mortes prematuras por doenças crônicas.

O sistema é capaz de prever riscos baseando-se em dados sobre a demografia, a biometria, os resultados clínicos e até o estilo de vida de cada indivíduo avaliado, incluindo seu consumo diário de frutas, vegetais e carnes.

Leia o artigo completo

Fonte: Exame

Fonte de imagem: Deposit Photos

VAMOS CONVERSAR?

×