Startup americana de telemedicina entrega contraceptivos em casa

 Em Destaques na Saúde

A pediatra Sophia Yen, dos Estados Unidos,  lançou um projeto para democratizar o acesso ao controle de natalidade. Segundo Yen, uma das principais razões para que mulheres não adquiram contraceptivos é a falta de tempo. Por isso, a médica especializada em saúde reprodutiva decidiu criar uma startup que entrega os medicamentos na casa das pacientes: a Pandia Health.

Inaugurado em 2016, hoje, o Pandia Health conta com uma equipe de profissionais que prescrevem e oferecem entrega de métodos contraceptivos para mulheres, independentemente se elas têm plano de saúde ou não. Para quem não tem o seguro, o preço pode partir de US$ 20 para um mês de suprimentos.

 

Leia o artigo completo

 

Fonte: Crescer

Fonte de imagem: Deposit Photos

VAMOS CONVERSAR?

×