Cientistas dos EUA criam material que imita as funções da pele humana

 Em Destaques na Saúde

Conhecido como e-skin, o material poderá ajudar a desenvolver equipamentos biomédicos de maior qualidade, e servir de matéria-prima para a fabricação de robôs e próteses hiper-realistas.

A nova pele tem sensores anexados para medir a pressão, temperatura, umidade e o fluxo de ar. Outro benefício do novo material é que ele pode ser facilmente acomodado em superfícies curvas, como braços humanos e mãos robóticas.

Leia o artigo completo

Fonte: Portal UAI – Diários Associados

Fonte de imagem: Deposit Photos

VAMOS CONVERSAR?

[getparam utm_campaign]


×